Justiça rejeita denúncia de importunação sexual no BBB

Publicado em 10 de abril de 2024

O BBB 23 foi marcado por uma grande polêmica envolvendo dois participantes do camarote e uma estrangeira. Tudo aconteceu quando, em uma festa, MC Guimê acariciou o bumbum da influencer Dania Méndez algumas vezes e Cara de Sapato forçou um beijo na mesma mulher. Os dois foram expulsos do programa no dia seguinte por importunação sexual e o caso foi parar na justiça.

A Justiça do Rio de Janeiro rejeitou a denúncia do Ministério Público contra MC Guimê e Cara de Sapato por suposta importunação sexual contra a mexicana Dania Méndez no BBB 23. A decisão foi assinada hoje pelo juiz Aylton Cardoso Vasconcellos.

No documento, o juiz afirma que a ação penal foi iniciada de forma prematura sem ouvir a vítima e destaca que vídeos e imagens das câmeras do Big Brother Brasil não são suficientes como prova, sendo necessário ouvir Dania antes da ação.

Quer mais notícias dos famosos? acesse o nosso canal no WhatsApp

A Justiça ressalta que o próprio Ministério Público, após ouvir a mexicana, admitiu que ela não confirmou ter se sentido sexualmente ofendida e expressou que não desejava que os réus fossem processados criminalmente.

Segundo a decisão do juiz, foi oferecido aos advogados de Guimê e Cara de Sapato um Acordo de Não Persecução Penal após a vítima declarar que não queria o processo. A defesa de Cara de Sapato não aceitou o acordo e solicitou a rejeição da denúncia.

A decisão da Justiça ainda permite recurso do Ministério Público.


Faixa atual

Título

Artista

AO VIVO!

Top 99

20:00 22:00

AO VIVO!

Top 99

20:00 22:00